“Venho revelar publicamente que o meu teste da COVID-19 resultou positivo. Não tenho sintomas, encontro-me física e mentalmente bem. Estou infectado, mas não doente”. Armindo Tiago, Ministro da Saúde. Será?

by Odete Moiane
Ministro da saúde testou positivo, mas é um caso assintomático

Etiqueta: Verdadeira

Data da declaração: 13/10/20

Data da verificação: 14/10/20

 Armindo Tiago, ministro da Saúde, revelou esta terça-feira (13/10/20) que está infectado pela COVID-19, através de um comunicado de imprensa publicado na página oficial do Ministério da Saúde “Venho revelar publicamente que o meu teste da COVID-19 resultou positivo. Não tenho sintomas, encontro-me física e mentalmente bem. Estou infectado, mas não doente”.

No âmbito da parceria entre o MISACHECK e MOZCHECK verificamos o discurso do ministro da saúde, Armindo Tiago proferido no dia 13/10/20, depois de testar positivo à COVID-19.

No discurso do ministro da saúde, iremos verificar uma parte “Estou infectado, mas não doente”. Será?

Diante dessa frase surgem várias inquietações para perceber como alguém pode estar infectado pelo vírus da covid-19 e não estar doente.

Para melhor esclarecimento do assunto contactamos a Dr. Isabel Gebresillassie da Health Cluster Coordinator e Maria Da Gloria MOREIRA que representam a Organização Mundial da Saúde, em Maputo. Segundo a resposta enviada pela Sinesia Lucinda José Sitão como mostra o e-mail infectado é alguem que possui o microrganismo (vírus, bactéria, etc) no seu corpo, apartir do momento em que este começa a apresentar sinais e sintomas , dizemos que a pessoa está doente” frisou Sitão.

Realçarmos que o ministro da saúde testou positivo, mas é um caso assintomático, ou seja, não apresenta sintomas e por isso diz-se infectado e quando começar a apresentar sintomas vai-ser considera pessoa doente.